Coleção Edição e Distribuição Cooperativa
Série por uma Geografia Latino-Americana

América Latina:
cidade, campo e turismo

Amalia Inés Geraiges de Lemos
Mónica Arroyo
María Laura Silveira
[organizadoras]
Textos completos


América Latina:
cidade, campo e turismo
Amalia Inés Geraiges de Lemos
Mónica Arroyo
María Laura Silveira
[organizadoras]

Carlos Augusto de F. Monteiro, Carlos A. de Mattos,
Ana Fani Alessandri Carlos, Aldo Paviani, Sandra Lencioni, Norma Montes Rodríguez, Amélia Luisa Damiani, Nubis Pulido, Carlos Reboratti, Luis Carlos Jiménez Reyes, Júlio César Suzuki, Rosa Ester Rossini, Georgina Calderón Aragón, Juan Hidalgo, Rosa Maria Vieira Medeiros, Adyr Balastreri Rodrigues, Rodolfo Bertoncello, Rita de Cássia Ariza da Cruz, Emilce Beatriz Cammarata y Luzia Neide M. T. Coriolano

ISBN [10]: 987-1183-64-X
ISBN [13]: 978-987-1183-64-7
São Paulo: CLACSO, diciembre 2006
(23 x 16 cm) 378 páginas

 

Num período no qual uma profusão de metáforas sobre a realidade pretende substituir os conceitos centrais da Geografia, um enfoque substantivo faz-se, mais do que nunca, necessário para repensar nossas teorias e formular novas interpretações. A pobreza e a injustiça não param de crescer na América Latnia. É a foraça da nossa realidade. Reverte essa situação pede nosso compromisso com a análise da história passada e presente e com a imaginação de caminhos para o futuro. Aproximar os geógrafos latinoamericanos no período em que vivemos parece-nos essencial.

As variáveis contemporâneas encontram, aqui, um solo fértil. As benesses da técnica atual, capazes de tornar fluido o espaço geográfico, permiem a circulação de objetos e idéias e, em decorrência, a multiplicação dos lucros cuja apropriação é, a cada dia, mais concentrada. E hoje, como a cada momento da história, nasce a necessidades de uma interpretação do mundo novo.

Por isso hoje, mais do que nunca, é mister elaborar nossas próprias interpretações sobre os territórios latino-americanos. E, quando somos convocados a tomar-nos meros produtores de informação, reafirmamos nosso direito de produzir o saber, isto é, identificar os problemas, escolher os temas a investigar, os enfoques e teorias a utilizar. Essas e outras questões são elaboradas, desde prismas diferentes e complementares, neste livro.

 

O Encontro de Geógrafos da América Latina (EGAL), realizado a cada dois anos em diferentes países, tem por objetivo promover o debate e intercâmbio da produção geográfica contemportânea entre pesquisadores das diversas instituições latino-americanas, constituindo um espaço privilegiado para a discusão do estado atual do conhecimento.

Os temas clássicos da geografia necessitam ser rediscutidos sob o signo do presente histórico. As afinidades e os interesses comuns dos países da América Latina qualificam o diálogo entre seus geógrafos como uma interlocução privilegiada no mundo globalizado. Intercambiar estudos e reflexões em variadas escalas geográficas torna-se uma tarefa central, de modo a fundamentar o campo disciplinar com instrumentos analíticos sólidos e críticos, construídos basicamente a partir do debate.

Ao sedia o XEGAL, o Departamento de Geografia da Universidade de São Paulo reafirmou seu compromisso como o intecâmbio acadêmico latinoamericano. E, desse modo, aceitou o desafio de dar continuidade ao aprofundamento da reflexão sobre os problemas e as questões que a conteporaneidade nos impõe. As dificuldades enfrentadas pelos países latino-americanos, no laberinto do presente, exigem repensar as possibilidades de um futuro fundado em uma nova solidariedade. Foi justamente este pensamento que deu origem ao título e ao espíritu do X EGAL: "Pro uma geografia latino-americana. Do labirinto da solidão ao espaço da solidariedade", realizado entre os dias 20 e 25 de março em São Paulo.

Como resultado desde Encontro, organizamos a Séria Por uma Geografia Latino-Americana, em três volumes. Este segundo livro, intitulado América Latina: cidade, campo e turismo, apresente discusões sobre as novas feições e ritmos que a cidade e o campo apresentam em nosso continente.

Índice

Prefácio
Amalia Inés Geraiges de Lemos, Mónica Arroyo e María Laura Silveira

Por uma geografia latino-americana

Carlos Augusto de Figueiredo Monteiro
A América Latina: da criação passada à
invenção necessária


Primeira Parte
Feições e ritmos da urbanização

Carlos A. de Mattos
Modernización capitalista y transformación
metropolitana en América Latina:
cinco tendencias constitutivas

Ana Fani Alessandri Carlos
Dinâmicas urbanas na metrópole de São Paulo

Aldo Paviani
Expansão metropolitana: a modernização com desemprego

Sandra Lencioni
Regiões metropolitanas do Brasil. Radiografia da dinâmica recente do emprego industrial e da remuneração do trabalhador

Norma Montes Rodríguez
¿Cómo transitan del pasado reciente al futuro la población y las grandes ciudades de América Latina?

Amélia Luisa Damiani
Cidades médias e pequenas no processo de globalização. Apontamentos bibliográficos

Nubis Pulido
El espacio urbano latinoamericano y la globalización. Emergencia de ciudades ‘intermedias’ y nuevos cambios en Venezuela

Segunda Parte
O campo em debate

Carlos Reboratti
La Argentina rural entre la modernización
y la exclusión

Luis Carlos Jiménez Reyes
El campo en Colombia: crisis y alternativas de solución

Júlio César Suzuki
Questão agrária na América Latina: renda capitalizada como instrumento de leitura da dinâmica sócio-espacial

Rosa Ester Rossini
O trabalho da mulher na agricultura canavieira altamente tecnificada e capitalizada - São Paulo - Brasil

Georgina Calderón Aragón
La inserción del capital en los espacios rurales e indígenas en México

Juan Hidalgo
Cosmovisión y participación política de los indígenas en el Ecuador

Rosa Maria Vieira Medeiros
Camponeses, cultura e inovações

Terceira Parte
Turismo e território

Adyr Balastreri Rodrigues
Turismo e territorialidades plurais - lógicas excludentes ou solidariedade organizacional

Rodolfo Bertoncello
Turismo, territorio y sociedad. El “mapa turístico de la Argentina”

Rita de Cássia Ariza da Cruz
Planejamento governamental do turismo: convergências e contradições na produção do espaço

Emilce Beatriz Cammarata
El turismo como práctica social y su papel en la apropiación y consolidación del territorio

Luzia Neide M. T. Coriolano
Turismo: prática social de apropriação e de dominação de territórios


© Copyright 1996/2002 - Este es un servicio proporcionado por CLACSO,
Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales
Cualquier duda o sugerencia enviarla a: Jorge Fraga, erol@clacso.edu.ar